Connect with us

Fintechs

Nubank, vai criar milhões de contas correntes em minutos.

Redação Pagamento.me

Published

on

nubank

[Atualizado em 24/10].

Se alguém duvidava da capacidade (e do plano) do Nubank em virar banco, não tem motivos para duvidar mais.

A fintech, que já havia registrado no número 260 no Banco Central, agora já conta com uma data de lançamento da sua conta digital. Não foi à toa também, a recém chegada do Gustavo Franco (ex-presidente do Banco Central) no boarding da empresa. Planos ambiciosos amparam essa fintech situada na capital paulista.

[emaillocker]

A maioria dos bancos já contempla o banco 260 (Nu Pagamentos SA) para receber transferências on-line (imagem abaixo).

nubank

Ilustração – Itaú.

A abertura da operação da conta digital do Nubank vai agitar (com certeza) qualquer banco que vem tentando se tornar digital. Chegou o momento que todo o mercado financeiro esperava: o da capacidade de uma fintech criar uma real ameaça aos bancos tradicionais no país.

Acompanhem dos dados abaixo – e tire as conclusões necessárias.

Números do Nubank

  • Até Agosto desse ano, a empresa tinha recebido 8 milhões de pedidos do cartão (Oito Milhões);
  • O faturamento do primeiro trimestre de 2017 da empresa, atingiu R$236 milhões (com um prejuízo de R$39 milhões);
  • Investimento recebido de venture capital: U$178 milhões
  • Investimento através de débito (para financiar recebíveis): R$455 milhões;
  • Clientes: + de 1 milhão;
  • Taxa de crescimento ao mês: 10%;
  • 6º maior emissor de cartões do país (à frente de Citibank e Safra).

Para comparar o que pode representar essa mudança, fizemos um comparativo de número de clientes que alguns bancos brasileiros possuem. Dados de Março de 2017 (Fonte Bacen).

Banco Número de clientes
BRADESCO (conglomerado) 94.473.132
CAIXA ECONÔMICA FEDERAL (conglomerado) 86.673.233
ITAU (conglomerado) 73.588.791
BB (conglomerado) 59.756.725
SANTANDER (conglomerado) 38.864.588
BANRISUL (conglomerado) 4.506.706
CITIBANK (conglomerado) 1.355.504
SAFRA (conglomerado) 1.132.676
INTERMEDIUM (conglomerado) 445.291

 

O “novo banco”, vai ser reforçado com uma operação de FDIC de R$250 milhões, com um investidor brasileiro não revelado. A XP Investimentos vai amparar a operação. (Fonte: Felipe Marques, da Bloomberg). No dia 24/10, a empresa realizou um evento ao vivo no Facebook para contar uma novidade. O novo serviço do Nubank vai se chamar NuConta.

Foto: Reprodução Nubank

Nubank, parabéns!

[/emaillocker]

Adquirentes

Os consumidores têm altas expectativas de seus aplicativos de banco digital

Redação Pagamento.me

Published

on

Os consumidores querem que os bancos façam mais do que apenas segurar seu dinheiro. Eles querem que seus bancos os ajudem a atingir suas metas financeiras.

De fato, um novo relatório de consumo da CSI mostra que 83% dos consumidores americanos concordam com essa afirmação. Esse número saltou para 87% para os consumidores com uma renda familiar anual de US $ 100.000 ou mais, sugerindo que esses consumidores não querem apenas que seus bancos os ajudem a atingir suas metas financeiras, mas também informam como fazê-lo.

Provavelmente, é por isso que tantos bancos lançaram recursos de gerenciamento de orçamento, ferramentas de PFM ou até mesmo consultores robóticos. Ainda ontem, o JPMorgan Chase revelou uma plataforma de investimento digital chamada You Invest, que permite aos clientes trocar até 100 ações e ETFs gratuitamente . Quando se trata de ferramentas orçamentárias, não há escassez disso. No início deste mês, o Bank of America  começou a distribuir e-mails de marketing apontando clientes para usar a assistente virtual Erica para ajudar nas tarefas de gerenciamento de orçamento. Na semana passada, o BBVA Compass revelou uma ferramenta financeira em parceria com o agregador de dados MX.

Essa ferramenta permite que os usuários acompanhem os gastos,orçamento, alcance metas de economia e automatize os pagamentos de contas. Em um painel especial em Nova York nesta semana, a Capital One reiterou seus esforços para ajudar os clientes a manter uma boa pontuação de crédito e melhorar seus hábitos de consumo por meio de sua ferramenta de pontuação de crédito, CreditWise. Até mesmo o consumidor, Marcus, da Goldman Sachs , percebeu o valor que uma oferta de GFP pode ter para seus clientes. Comprou a Clarity Money em abril. Falando nisso, Marcus lançou hoje no Reino Unido  hoje.

A boa notícia de acordo com a CSI Consumer Survey é que 86% dos americanos disseram que as atuais ofertas de serviços bancários digitais de suas IFs “satisfazem plenamente suas necessidades”. O relatório mostra que os consumidores em geral estão recorrendo aos pagamentos bancários e móveis digitais para transações diárias. O relatório constatou que mais de 4 em cada 5 consumidores estão “geralmente satisfeitos” com seu aplicativo bancário.

A Bank Innovation realizou uma pesquisa semelhante no início deste verão. Os resultados desta pesquisamostraram um sentimento semelhante, em que 36,7% dos 267 entrevistados disseram que estavam “muito satisfeitos” com seus aplicativos bancários, e 27,7% disseram que estavam “extremamente satisfeitos”, enquanto apenas 10,5% disseram que “não estavam” de todo satisfeito ”com isso.

Além disso, a pesquisa do CSI, que foi divulgada no início desta semana, mostra que uma grande parte dos usuários (49%) vê os pagamentos móveis como uma maneira mais segura de efetuar pagamentos do que usar cartões de débito ou crédito. Esse número salta para 57% para consumidores entre 18 e 44 anos.Ele cai para 33% para aqueles com 65 anos ou mais. No geral, no entanto, a pesquisa constatou que 81% dos entrevistados confiaram que seus bancos protegem adequadamente seus dados contra violações e hackers.

No relatório, Steve Powless, presidente e CEO da CSI, declarou:

Que embora a maioria esteja satisfeita com seus atuais serviços digitais, isso não significa que os bancos possam descansar sobre os louros. Com os consumidores esperando que os bancos antecipem suas necessidades, as instituições financeiras precisam constantemente inovar e educar seus clientes sobre as mais novas ferramentas disponíveis para atender às metas financeiras.

Continue Reading

Conteúdo Exclusivo

Consumidores se preocupam com segurança de aplicativos fintech

Shares Facebook Twitter LinkedIn Quase um terço dos consumidores bancários dos Estados Unidos usam aplicativos online e móveis para gerenciamento de dinheiro, mas muitos se preocupam com a privacidade de seus dados usados ​​nesses aplicativos e querem mais controle sobre o que pode ser acessado, de acordo com uma nova pesquisa conduzida pela The Clearing […]

This post is only available to members.
Redação Pagamento.me

Published

on

Shares Facebook Twitter LinkedIn Quase um terço dos consumidores bancários dos Estados Unidos usam aplicativos online e móveis para gerenciamento de dinheiro, mas muitos se preocupam com a privacidade de seus dados usados ​​nesses aplicativos e querem mais controle sobre o que pode ser acessado, de acordo com uma nova pesquisa conduzida pela The Clearing […]

This post is only available to members.
Continue Reading

Banco

Pagamento móvel na China mantém rápido crescimento

Leandro De Andrade

Published

on

Os pagamentos móveis na China mantiveram um rápido crescimento no segundo trimestre de 2018, mostraram os dados do banco central.

Os bancos do país processaram 14,92 bilhões de transações do tipo no período, um crescimento anual de 73%, de acordo com o Banco Popular da China.

As transações somaram 62,88 trilhões de yuans (US$ 9,15 trilhões), uma alta anual de 60%.

A indústria de pagamento online da China cresce rápido nos últimos anos em meio à crescente disponibilidade de smartphones.

Quanto às instituições não bancárias, os pagamentos online somaram 48,29 trilhões de yuans no segundo trimestre, um crescimento anual de 53,35%.

Continue Reading
Advertisement A maior conferência do segmento financeiro

featured

Copyright © 2015 ~ 2018 Pagamento.me.